Rua José Bonifácio, 663 - Sala 202 | Olaria | Cep 76.801-230 | Porto Velho - RO
Seg-Sex: 08:00 - 12:00-14:00 - 18:00

É a modalidade mais usada no mundo. O tratamento de enfermidades
da retina através do LASER revolucionou a oftalmologia há algumas
décadas, com eficácia comprovada e milhares de estudos acadêmicos
realizados comprovando sua eficiência e excelentes resultados.
Consiste na aplicação de feixes de laser na região afetada visando a
“micro cauterização” necessária para restabelecer a fixação da
estrutura danificada pela doença a qual o paciente foi acometida. Ação
térmica – “queima” o tecido e provoca coagulação das proteínas.
O feixe de luz direcionado permite que o medico especialista em retina
consiga aplicar o laser exatamente onde se faz necessário obtendo
assim maior eficiência no resultado final.
Embora seja um procedimento oftalmológico sua aplicação é feita no
consultório. A anestesia é local, através da instilação de colírio
anestésico somente no olho, para aliviar o desconforto.
Esta técnica é amplamente utilizada para tratamento das doenças
vasculares (retinopatia diabética, e oclusões venosas) e em casos de
roturas retinianas, como profilático à progressão do descolamento de
retina.

LASERTERAPIA COM DIIODO VERMELHO – 810NM

Em nosso Serviço utilizamos esta modalidade de tratamento apenas
para os casos de Retinopatia da Prematuridade, que pode
severamente acometer os RNs prematuros, sendo realizada em
ambiente Hospitalar (UTI Neonatal ou Centro Cirírgico), sob anestesia
geral. Neste tipo de tratamento é utilizado o oftalmoscópio indireto,

lente de 28 Dioptrias, e o identador escleral (para visualizar a retina
periférica), além do blefarostato (aparelho para manter o olho aberto).